Kanamara Matsuri: “Festival do Pênis” atrai multidões de todo o Japão【Fotos】

Além de todos os festivais tradicionais e surpreendentes realizados no Japão, há um que se destaca, literalmente, graças a um pênis rosa gigante. É o Festival Kanamara realizado na cidade de Kawasaki, na província de Kanagawa.

É tudo em nome da cultura e tradição japonesas. Então, vamos dar uma conferida em toda a diversão do evento deste ano, que foi realizado domingo (dia 02) no Kanayama Shrine (templo xintoísta).

Nesta reportagem, o fotógrafo japonês estava em cena com a câmera na mão, pronto para fotografar todos os objetos com forma fálica que ele pudesse encontrar. E, assim que ele chegou ao festival, encontrou o “membro” mais visível do local, um enorme pênis rosa chamado de Elizabeth.

▼ No ano passado, Elizabeth decepcionou os visitantes quando apareceu em um carrinho de quatro rodas.

Este ano, a estrela do festival estava de volta a seu modo usual, amarrado sobre pranchas de madeira que foram carregadas nos ombros dos participantes, permitindo que o símbolo fálico gigante fosse carregado para cima e para baixo em meio à multidão.

O glorioso gigante cor-de-rosa recebia inúmeros elogios ao passar pelas ruas.

Este festival tão incomum pode parecer uma invenção moderna, mas suas raízes são tradicionais e podem ser encontradas desde o período Edo (1603 – 1868), quando o festival era originalmente realizado em homenagem a Kanamara, o deus dos ferreiros.

O papel de Kanamara como um patrono do pênis de ferro (em uma antiga lenda) cresceu ao incluir os profissionais do sexo, quando o bairro do templo de Kanayama transformou-se uma área repleta de bordéis que prestavam serviços aos viajantes na rota de Tokaido, de Kyoto a Tokyo.

As prostitutas passaram a visitar o Santuário de Kanayama para pedir proteção contra doenças venéreas, o que levou o símbolo fálico a ser usado também como uma forma de pedir prosperidade nos negócios, saúde, fertilidade, parto fácil, casamento, proteção contra doenças venéreas e harmonia entre marido e mulher.

▼ No período Edo, as cortesãs podiam ser vistas durante o festival. Hoje, apenas representam as raízes tradicionais do evento.

▼ O festival continua no Santuário de Kanayama, com as sacerdotisas, miko, realizando danças sagradas como parte dos eventos do dia.

Junto com a tradição existem barracas de lembrancinhas, onde os visitantes podem comprar todos os tipos de mercadorias fálicas. Alguns dos itens mais populares deste ano foram as camisetas…

▼ Toalhas …

▼ Pirulitos e doces em uma grande variedade de formas e sabores.

Enquanto Elizabeth era a estrela do dia, dois pênis menores também eram carregados pelas ruas, como fazem todos os anos.

▼ Havia o “Grande Mikoshi” de madeira.

▼ E o “Kanamara Mikoshi“, feito de ferro.

O festival atraiu uma multidão de visitantes locais e estrangeiros, que foram pedir proteção e boa sorte diante do exuberante pênis.

Se você está se perguntando o que um pênis sagrado está fazendo nas ruas do Japão, dê uma olhada neste curto vídeo abaixo!

Para aqueles que um dia pretendem participar do evento, o Festival Kanamara é realizado anualmente no primeiro domingo de abril, considerado o momento perfeito para quem vai ao Japão visitar outro ícone rosa muito popular – a floração das cerejeiras, Sakura!

Fonte e fotos: RocketNews24

Comentários

Share via