Ladrão japonês devolve bicicleta roubada com pedido de desculpa e um presente

Você já deve ter ouvido falar que no Japão, praticamente, não há crimes, e isso não é exagero.

As chances de você ser vítima de uma agressão, assalto ou qualquer outra forma de ameaça relativa à sua segurança ou aos seus bens, na capital do Japão, são extremamente baixas.

Leia também:

No entanto, “praticamente sem crime” significa que, mesmo assim, no Japão, os crimes acontecem.

Ladrão de bicicleta

Um dos furtos mais comuns é o de bicicleta. E a poucos dias, o usuário japonês do Twitter, @bercy23555 teve sua bicicleta roubada.

Felizmente, porém, mais tarde sua bicicleta reapareceu, tão repentinamente quanto desapareceu.

Além de devolver a bicicleta, o ladrão não só deixou um bilhete pedindo desculpas, como também deixou um presente, para tentar compensar o inconveniente que causou.

Depositada na cesta da bicicleta devolvida, havia uma grande melancia e presa ao quadro havia a seguinte mensagem:

“Acabei emprestando sua bicicleta sem sua permissão e sinto muito. Como desculpa, estou deixando uma melancia na sua cesta. Coma-a. Será melhor se você relaxar antes de comer. Provavelmente vou emprestar sua bicicleta novamente, quando eu for ao meu trabalho temporário de melancia (LOL). Na próxima, irei deixar uma mensagem novamente. Peço desculpas.

PS: Não se esqueça de trancar sua bicicleta. Alguém irá roubá-la…”

No Japão, dar uma melancia de presente é muito comum ao visitar a casa de um amigo ou conhecido durante o verão.

O que é bastante incomum, é recebê-la de alguém que pegou sua bicicleta sem autorização, para uma alegria prolongada.

Reações online

As reações online ao acontecido, foram:

“Tudo fica bem quando termina bem. Você conseguiu sua bicicleta de volta e até mesmo alguma coisa extra.”

“Que crime bom e justo.”

“Então, da próxima vez que ele emprestar, eu me pergunto se ele irá deixar uma couve-flor em no assento ou algo assim.”

“Existem pessoas realmente gentis no mundo.”

Enquanto a maioria das pessoas ficaram surpresas com o presente, nem todas ficaram impressionadas com a atitude da pessoa que roubou a bicicleta. Principalmente @bercy23555, isso porque, na mensagem o ladrão fala de seu trabalho relacionado com melancia.

“Ele não estava sendo gentil quando roubou a bicicleta.”

“Então ele rouba sua bicicleta, mas traz de volta com uma melancia. Humm… não tenho certeza se isso torna seu bairro seguro ou não.”

“Eu aposto que a melancia está envenenada”.

Esse último medo acabou sendo injustificado, pois @bercy23555 comeu a melancia e não passou mal.

Ainda assim, um dos comentários tinha uma teoria bastante plausível.

▼ “Ele pode ter roubado esta melancia também”.

Se a fruta foi de fato roubada, a evidência já sumiu há muito tempo.

Ainda assim, é recomendado a quem for ao Japão, que obtenha suas melancias da forma tradicional e justa.

Quer seja, comprando-as no mercado ou plantando-as, já que, mesmo no Japão, a maioria dos ladrões não são conhecidos por sua generosidade.

Gostou do artigo? Inscreva-se em nossa Newsletter e receba mais conteúdos sobre o Japão.

Comentários

Share via