Kazuhiro Tsuji, o artista japonês de 48 anos e mais dois colegas britânicos, foram premiados no Oscar 2018 por melhor maquiagem e penteado no filme “Darkest Hour”, estrelado por Gary Oldman.

Kazuhiro Tsuji ganha Oscar 2018

The Darkest Hour narra a trajetória e a luta do primeiro-ministro btitânico Winston Churchill durante a segunda guerra mundial. O trabalho de Gary Oldman lhe rendeu a estatueta de melhor ator pela interpretação no Oscar 2018.

Gary Oldman Darkest Hour
Gary Oldman caracterizado Winston Churchill

Darkest Hour

Após a invasão e dominação alemã na França, as forças militares da Alemanha planejaram a invasão e dominação da Inglaterra, começando pelo ar com a Luftwaffe (aeronáutica alemã).

A força política de Churchill e o carisma que o Rei Albert da Inglaterra desenvolveu com a população, deram forças aos pilotos ingleses da RAF (Royal Air Force) e de toda Inglaterra na resistência contra o ataque nazista.

Kazuhiro Tsuji trabalha em Gary Oldman

Tsuji e sua equipe trabalharam em um grande desafio, transformar o ator Gary Oldman no estadista mais popular do Reino Unido.

Gary Oldman caracterizado

A escolha de  Kazuhiro veio do próprio ator Gary Oldman. Depois de quase terem trabalhado juntos no longa Planeta dos Macacos, o ator conheceu o trabalho perfeito do artista japonês.

Por isso, sua única condição para pegar o papel de Winstom Churchill era que Tsuji fizesse sua caracterização.

Foi uma longa jornada já que o artista japonês estava em um semi retiro de Hollywood, cansado do ritmo das gravações.

Kazuhiro Tsuji

Kazuhiro Tsuji

Kazuhiro trabalhou com o maquiador japonês Etsuko Egawa durante três anos. De acordo com Egawa, a engenhosidade no processo de criação de Tsuji estavam além das expectativas.

Trabalho de Kazuhiro

“É importante (para os maquiadores) buscar níveis (de trabalho) que permitam que o público acredite que o personagem realmente existe. O Sr. Tsuji pode fazer isso.” afirmou Egawa.

O artista é natural de Kyoto e vive em Los Angeles. Um de seus professores, Hiroyuki Sanjoba da escola Heian Senior High School em Kyoto, revelou que ele sempre surpreendia criando dedos ou ferimentos de queimadura nas mãos.

O vice-diretor da escola Toshiki Nakamori se disse ansioso para que Tsuji retornar para Kyoto e palestre aos jovens estudantes o que ele levou de melhor em seus anos de estudo.

Leia também

Quatro filmes sobre o Japão na Segunda Guerra Mundial para maratonar

Oscar 2018

Durante seu discurso, Kazuhiro Tsuji agradeceu ao ator Gary Oldman: “Em primeiro lugar, gostaríamos de dar o nosso mais sincero agradecimento a Gary Oldman. Foi uma verdadeira honra estar nesta incrível jornada com você.”

E continuou: “E não estaríamos aqui hoje a noite se não fosse por você”. Tsuji também afirmou que Oldman é um ator maravilhoso e um artista dedicado, um verdadeiro amigo.

Para a equipe de maquiagem do primeiro japonês a receber uma estatueta, o trabalho foi um sonho realizado.

Tsuji já foi indicado nas edições de 2007 com o filme Click e em 2008 com a comédia Norbit. Além dessas produções, ele já trabalhou em filmes como O Curioso Caso de Benjamin Button, Planeta dos Macacos, Homens de preto, Hellboy e muitos outros.

Curta nossa página no Facebook
(Não aperte o botão se você já curtiu)

Comentários

comentários