Engenheiro japonês da NASA descobre carta de 2085 e entra em contato com viajante do tempo

O post do engenheiro da NASA viralizou no Twitter do Japão. Mas, será que esta carta de 67 anos no futuro é uma coisa real? Dá uma conferida!

Leia também:

A pequena carta do futuro

O mistério aconteceu recentemente com um engenheiro de sistemas do laboratório de propulsão a jato da NASA. Foi, porém, enquanto ele explorava uma tranquila seção de uma biblioteca universitária. Então, ao passar por algumas gavetas abandonadas de cartões de biblioteca, ele sentiu um desejo inexplicável que o levou a abrir uma gaveta aleatória.

▼ Entre tantas gavetas, a primeira que ele abriu continha um pedaço de papel manuscrito. Veja como ele contou a história (tradução abaixo).

“Na biblioteca de uma universidade, abri uma gaveta de cartões que não está mais sendo usada. Apenas senti que devia abrir uma, e dentro havia este pedaço de papel que diz:

“Se você está lendo isso, é a prova de que existe viagem no tempo. 4/4/2085″.

É uma carta de 4 de abril de 2085. Parece o início de um filme.”

O engenheiro ficou atordoado, pois, não era apenas uma mensagem. Era uma mensagem de 67 anos no futuro, diante de seus olhos.

Portanto, como ele não estava disposto a vasculhar o que poderia haver entre centenas de gavetas, e como havia um número de telefone rabiscado na mensagem, então, ele se sentiu obrigado a entrar em contato com o remetente.

A resposta

▼ O engenheiro disse: “Enviei um texto para o número de telefone e recebi esta resposta. Isso é incrível!”

Mas, apesar das várias tentativas em obter mais informações sobre o viajante do futuro, essa resposta secreta foi a única resposta recebida pelo engenheiro (tradução abaixo):

“Eu não posso confirmar ou negar essa afirmação”.

E, desapontado, ele não recebeu mais respostas do remetente. Mas, muitos japoneses acreditam que logo ele encontrará um carro DeLorean DMC-12, como o do filme “De Volta Para o Futuro”, com a placa dos anos 80.

Reações online

O episódio inusitado, portanto, deixou os internautas japoneses entusiasmados. Então, veja alguns comentários:

“Isso é uma iMessage, portanto, tem que ser um produto da Apple. Pode ser um iPhone 50. Quero saber com o que parece? Tem a mesma forma? ”
“Incrível!”
“Isso é tão intrigante.”
“É o John Titor!” (um homem que afirmou ser um viajante do tempo no início dos anos 2000)
“Uau! O remetente deve ter ficado exultante. Além do mais, o destinatário é um engenheiro da NASA! O remetente poderia ser alguém da NASA também”.

Enfim, verdade ou não, seja lá o que for, essa mensagem mexeu com a imaginação e curiosidade dos japoneses do Twitter. Será que isso é possível?

Fontes: Twitter/notactor via Hamsoku / SoraNewsPakutaso

Share via