Itai Hoteru: o que é o hotel de cadáver no Japão?

A falta de espaço no Japão e dos crematórios levaram a uma alternativa nada comum, o itai hoteru, o hotel de corpo ou cadáver.

Do lado de fora, esses hoteis parecem ser comuns, por dentro a rotina é parecida com o de um necrotério. Do lado de dentro apenas aceitam reservas de cadáveres.

90% das pessoas são cremadas no Japão, algumas por questões religiosas, outras por falta de espaço mesmo. Com o envelhecimento de sua população e uma alta taxa de gente idosa, o país tem um problema ao lidar com seus mortos.

Algumas famílias tem que esperar por dias para poder oferecer um velório ou saber o que fazer com o corpo após o falecimento. Por isso, o itai hoteru ficou popular.

Itai Hoteru

itai hoteru

Além de um quarto para o cadáver, familiares podem se hospedar também, como se estivessem em um hotel comum.

Além disso, os locais começaram a oferecer serviços funerários. Custa em média de U$ 80,00 a U$ 150,00 por noite para hospedar um cadáver no hotel. O caixão e a sala é climatizada para ajudar a preservar o corpo.

Leia também

Morte solitária: a dura realidade dos idosos no Japão

Segundo Hisao Takegishi, o dono de um itai hoteru no Japão, o local funciona como uma espécie de local seguro para o momento difícil. Geralmente, fica aberto 24 horas, oferecendo comodidade e um preço melhor em comparação com os crematórios.

Normalmente o velório costuma ser feito dentro das residências no Japão, porém, com os crematórios cheios, ficar com o corpo dentro de casa sem previsão é um problema.

Segundo dados do Japan Society of Enviromental, existem 5,100 crematórios no Japão contra uma população de 13 milhões. Tóquio, por exemplo, possui apenas 26. Portanto, a demanda é muito alta e os crematórios não são suficientes.

Gostou do artigo? Inscreva seu e-mail para receber nossa Newsletter.

Share via