Fatos que você pode não ter reparado em Your Name

O filme Your Name do diretor Makoto Shinkai é cheio de simbolismos da cultura japonesa. Por isso, confira algumas curiosidades interessantes.

Linha vermelha

Cena do filme Your Name

Laços de cor vemelha, assim como fios estão presentes em todo o filme. Por exemplo, a personagem Mistuha prende o cabelo com um laço dessa cor.

Eles fazem alusão a uma antiga fábula do Japão. Na cultura japonesa, o fio vermelho seria como o destino unindo dois seres que devem se encontrar, como se fosse a linha do destino invisível.

Itomori

Lago Suwa, Japão
Lago Suwa, Nagano, Japão

Os desastres são comuns no Japão e o país já superou tsunamis, vulcões, terremotos, tufões e climas extremos. Por isso, esse elemento não poderia deixar de estar no filme.

Por exemplo, a cidade de Itomori atingida pelo meteoro é igual ao lago Suwa em Nagano, que se formou após um evento metereológico.

Nomes de família

A distância separa as pessoas, mas de alguma forma elas são ligadas por causa do destino. Isso pode ser visto pelos nomes da família das mulheres de Miyazumi. Hitoba, Futaba, Mistuha e Yotsuha.

Nessa sequência da geração mais velha para a nova quer dizer uma folha, duas folhas e suscetivamente.

Cabelos

A simbologia de cortar o cabelo pode representar a quebra de um amor. Na cultura japonesa, cortar o cabelo curtinho pode significar um rito importante ou uma quebra de conceitos, amor, etc.

No filme Your Name, a personagem corta os cabelos e mostra que apesar de não haver um envolvimento amoroso naquele momento, podemos ter pistas de como ela estava se sentindo.

Leia também

O novo anime de Makoto Shinkai é lindo e parcialmente ambientado em Cingapura

Radio Ghibli: Curta as músicas mais icônicas dos clássicos do Studio Ghibli

3 filmes do Studio Ghibli que provavelmente você não conhecia

Kuchikamizake

O saquê que Mistuha faz com seu cuspe é uma tradição japonesa chamada Kuchikamizake do shinto. Aliás, a religião comumente faz alusões ao passado e presente e representa parte importante do filme.

Gostou do artigo? Inscreva-se em nossa newsletter.

Share via