fbpx

Descubra tudo sobre o molho tarê

Você já deve ter visto ou provado o molho tarê se gosta da culinária japonesa mesmo sem saber. Esse molho é base para molhos de ramen e fica ótimo no temaki, gyoza, tsukmen e no yakitori.

O gosto é uma mistura doce, azedo, picante e levemente salgado que fica boa em carnes, frangos, peixe e camarão grelhados. É conhecido por ser ingrediente fundamental do molho teriyaki também.

Se quiser adicionar mais sabor ao hambúrguer, ele também fará a diferença e ficará delicioso.

Por isso, é versátil, podendo ser usado para finalizar receitas ou como ingrediente para dar mais sabor a caldos.

Basicamente o molho tarê é feito de shoyu, mirin e saquê. Alguns acrescentam vinagre também. Ele pode ganhar consistência mais cremosa ou líquida, depende das preferências.

Por isso, recomendamos experimentar o que agrade ao paladar. A proporção dos ingredientes afetará diretamente as qualidades descritas do molho tarê.

Leia também

Conheça 8 molhos japoneses deliciosos e úteis em preparações variadas

Fugu: o que acontece com o corpo ao ingerir veneno de baiacu? 

Qual o motivo da carne japonesa Wagyu ser tão macia e cara? 

Muita gente confunde o molho tarê com o teriyaki. O molho teriyaki tem shoyu, gengibre, açúcar marrom, alho e suco de uma fruta cítrica.

Para deixar o molho tarê mais gostoso, você pode adicionar semente de gergelim torrado também.

Inscreva-se em nossa newsletter ou receba nossos artigos pelo messenger.

Comentários

Share via