Turismo em Osaka: voluntários oferecerão ajuda a estrangeiros

O turismo em Osaka apresenta crescimento, por isso, voluntários estarão nas ruas para ajudar. Em 2018, foram 11.42 milhões de turistas estrangeiros.

Eles ficarão na frente de estações de trens e locais populares oferecendo suporte vestidos de kimono da cor azul happi.

Voluntários para turistas

Voluntários

Oferecerão ajuda em 11 línguas, incluindo inglês, chinês, coreano, vietnamita, português e árabe. A patrulha ocorrerá aos finais de semana em times de dois e ficarão nas áreas do distrito Minami e ao redor do metrô de Osaka.

Eles tomarão a iniciativa em abordar os turistas oferecendo ajuda nas ruas e informarão sobre preços de passagens e como chegar a locais. A ideia é expandir o programa e colocar mais voluntários em mais áreas.

Eles foram selecionados a pedido da prefeitura pela empresa OFIX (Osaka Foundation of International Exchange). Foram 116 inscritos ao total.

OFIX

A OFIX foi fundada pelo governador de Osaka em 1989 com objetivo de promover a internacionalização da cidade, oferecer suporte e assistência para os residentes e comunidade estrangeira de estudantes.

Eles oferecem programas para entender as diferentes culturas capacitando as pessoas a conviverem com pessoas de nacionalidades diferentes.

Leia também

Osaka Ohsho tem gyoza tradicional e de qualidade

Tokyo e Osaka: conheça as principais diferenças entre as duas cidades

Kuidaore Taro: já viu o Wally japonês em Osaka?

Segundo o Yomiuri Shimbun, um dos voluntários é Moaz Mohzen, 28 anos, que vive em Suita. Ele é do Egito e oferecerá informações em inglês e árabe.

Ele desejava retribuir a ajuda e hospitalidade dos japoneses quando chegou ao país, além de mostrar as belezas da cidade para outras pessoas.

Masako Tominaga, 77 anos, fala chinês e deseja conhecer pessoas e deixar uma impressão positiva aos estrangeiros de Osaka.

Compartilhe! Clique aqui e receba nosso conteúdo exclusivo pelo Facebook Messenger.

Comentários

Share via