Confira os melhores filmes japoneses de 2016 (Parte 2)

Já listamos cinco filmes japoneses imperdíveis que foram lançados em 2016, confira a segunda parte e prepare a pipoca!

6. Lowlife Love – dirigido por Eiji Uchida

Tetsuo, é um diretor de cinema que teve um sucesso mediano com um filme que produziu há alguns anos, porém, após o filme, não conseguiu emplacar mais nada.

Sua vida é considerada vergonhosa, aos 39 anos, ainda vive com os pais e a irmã em uma pequena casa, e para melhorar, está sempre sem dinheiro.

Para conseguir uma renda irrisória, Tetsuo, dá aluas de atuação para um pequeno grupo de estudantes e promete colocá-los em seu próximo filme.

Com dois novos talentosos estudantes, Minami, uma garota tímida aspirante a atriz e o roteirista, Ken, os três enxeram uma esperança no fim do túnel para fazer um filme.

Lowlife Love é um filme bem-humorado e divertido, confira o trailer e não deixe de assistir!

7. Anti-Porn – dirigido por Sion Sono

Anti-Porn é uma película bem complexa, está entre a fantasia e a realidade. A quase total ausência de passado e presente dá uma sensação de espaço atemporal.

Kyoko, é uma artista e romancista que acorda em um estúdio completamente amarelo, com exceção do banheiro, pintado de vermelho vivo.

As coisas ficam ainda mais estranhas quando Noriko, assistente de Kyoko, chega ao estúdio. Noriko se mostra totalmente subserviente a artista e a trata da pior maneira possível, fisicamente e psicologicamente.

Anti-Porn é um filme forte e chocante, com uma mensagem clara e crítica em relação a indústria pornográfica, vale a pena conferir.

8. Godzilla Resurgence – dirigido por Hideaki Anno e Shinji Higuchi

O clássico do cinema japonês está de volta e continua seguindo o mesmo script da franquia, porém, com diferentes aspectos de edição e efeitos especiais para deixar o filme ainda mais frenético.

A criatura surge no mar do Japão e invade a ilha seguindo para Tóquio, enquanto isso, o alto escalão governo japonês, incluindo o primeiro-ministro, estão relutantes em tomar uma atitude.

Rando Yaguchi, é encarregado de uma força especial para investigar a criatura e achar um modo de pará-lo, enquanto isso, o governo dos EUA envia Kayoko Ann Patterson para lidar com a situação.

Com um ataque nuclear nos planos, Yaguchi e sua equipe correm contra o tempo para descobrir uma forma de parar Godzilla (Gojira) e evitar uma catástrofe no Japão.

O filme apresenta alusões ao desastre de Fukushima e com características típicas dos filmes anteriores, Godzilla Resurgence é, provavelmente, o melhor filme da franquia.

9. Himeanole – dirigido por Keisuke Yoshida

Baseado no mangá de Minoru Furuya, o drama cômico tem duas figuras heroicas principais, Susumu Okada e Yuji Ando, ambos trabalham em uma empresa de limpeza.

Yuji confessa para Susumu estar apaixonado pela garçonete Yuka Abe e pede ajuda para conseguir um encontro.

Ao visitar o local de trabalho de Abe, Yuji aponta para um antigo colega de classe que sempre está por lá e, provavelmente, também está interessado na garçonete. Ele é Shoichi Morita.

De repente, Yuka diz para Yuji e Susumu desconfiar que está sendo perseguida por Morita, então, os dois resolvem protegê-la.

O filme é dividido em duas partes, a primeira tem doses de humor, mas, sua segunda parte é muito violenta, com cenas bem grotescas. Um excelente filme que impressiona o espectador.

10. Your Name – dirigido por Makoto Shinkai

Mitsuha, é uma adolescente do ensino médio na pequena cidade de Itomori e tem uma vida complicada.

Por gerações, a família de sua mãe é responsável por um santuário Shintô, desde que seu pai abandonou sua família para se tornar prefeito.

Ela e sua irmã são responsáveis por cuidar do santuário sob supervisão de sua avó.
Mitsuha, começa a ter sonhos marcantes e vívidos, inexplicavelmente, ela começa a ter atitudes estranhas na escola.

Os sonhos estão relacionados com os acontecimentos na vida de um garoto da cidade de Tóquio. A animação mescla drama com humor, nostalgia e personagens muito interessantes, um filme muito divertido.

Share via