Uma maneira diabólica e inteligente de uma mãe japonesa controlar os games do filho

Alguns videogames e consoles, como o Switch da Nintendo, têm função de bloqueio pelos pais. Mas essa mãe sabe que seu filho sabe desativá-la! Então…

Leia também:

Solução de uma mãe japonesa

Mesmo nos videogames que possuem a função de controle pelos pais, esses sistemas podem ser vulneráveis. E, crianças experientes em tecnologia, muitas vezes, podem encontrar maneiras de desativá-las.

Mas, recentemente, o jogador japonês e o usuário do Twitter, @sasamipicata, encontrou um tipo de bloqueio de hardware que ele não conseguiu ultrapassar. Porque era, literalmente, um bloqueio.

Aparentemente, a mãe de @sasamipicata pensou que ele estava passando muito tempo nos games. Então, passou um cadeado através dos pinos do adaptador de energia do seu console. Impediu-o completamente de ativá-lo.

Como uma criança, @sasamipicata twittou: “eu gostaria de dizer aos pais no Japão, com crianças que jogam por muito tempo, que isso está indo longe demais”.

E este não foi o único dispositivo eletrônico de @sasamipicata’s que teve seu acesso interrompido de repente.

Também teve um carregador de iPhone. E, @sasamipicata disse que ficou decepcionado com sua mãe, pois ele também é fã de jogos móveis.

Os outros usuários do Twitter foram rápidos em expressar sua solidariedade pela situação de @sasamipicata. Assim como, o espanto e admiração pelos métodos usados por sua mãe. Veja alguns comentários:

“Tendo o console ali mesmo, mas não poder fazer nada com ele … isso é como um tipo de abuso emocional.”

“Eu vou ter que ficar de olho na minha mãe de agora em diante.”

“Penso que pode pegar um outro cabo, por exemplo.”

“Você sempre pode ir até a loja de ferramentas e comprar cortadores de parafusos.”

Esta última solução parece um pouco unilateral. Então é melhor @sasamipicata e sua mãe entrarem em um acordo nesta questão.

Provavelmente, ele não irá querer que ela invente outros métodos ainda piores de controle de seus games. Concordam?

Fonte: Twitter / @sasamipicata via Jin
Imagem destacada: Twitter / @ sasamipicata

Share via