Viajar pelo Japão sem mala? Essa é a proposta de uma empresa de Tokyo

Viajar pelo Japão sem mala? Essa é a proposta de uma empresa de Tokyo

Uma empresa de Tokyo tem uma solução inteligente para um dos problemas mais comuns entre os visitantes do Japão. Saiba como você pode viajar pelo país sem mala. Ou pelo menos, carregando muito menos coisas!

Leia também:

Viajar sem mala?

As pessoas que planejam uma viagem pelo Japão costumam perguntar: “Onde posso guardar minha bagagem?”. “No seu quarto de hotel”, pode parecer a resposta óbvia, mas a natureza de viajar no Japão torna as coisas mais complexas.

Muitos turistas no Japão compram bilhetes ferroviários de uso ilimitado. Pois eles são uma ótima maneira de percorrer o país e ver uma nova cidade praticamente todos os dias.

No entanto, transportar sua bagagem pelas estações lotadas ou em trens lotados pode ser bastante incômodo. E depois, tem o tamanho pequeno dos quartos de hotel do Japão. Onde portanto, uma mala pode ocupar boa parte do espaço limitado.

Por isso, a situação ideal seria não precisar carregar malas de um lugar para outro. E é essa a proposta da Locarry: criar uma rede de compartilhamento que ofereça aos viajantes roupas, câmeras e outras necessidades de viagem.

Locarry

A Locarry permite aos usuários criarem listas de itens disponíveis para outros usuários emprestarem. O proprietário define uma taxa por dia ou, se estiver se sentindo generoso, pode oferecer os itens gratuitamente.

Por exemplo, um traje de kimono pode consistir em uma túnica yashata de verão, com sandálias geta tradicionais de madeira e um leque de mão uchiwa. E isso seria tudo o que você precisaria para ter um ótimo dia de sua viagem em um festival de verão.

Da mesma forma, se você tiver apenas um dia de caminhada no seu itinerário. Em vez de carregar coisas dispensáveis que pesam 90% de sua bagagem, você pode simplesmente pedir emprestado de outro usuário do Locarry.

Nenhuma taxa de inscrição ou de adesão é cobrada. Depois de se inscrever, você fica livre para procurar itens disponíveis para emprestar ou listar as coisas que você tem para emprestar para outras pessoas.

Se você encontrar algo que deseja emprestar, o site permitirá que você envie uma mensagem ao proprietário, para que você possa coordenar quando e onde receber e devolver os itens.

Há também um sistema de feedback do usuário, permitindo que você classifique sua experiência com outros participantes individuais.

A Locarry espera criar uma rede de usuários não apenas no Japão, mas também no exterior. A empresa diz que seu objetivo é criar uma maneira de não apenas compartilhar itens, mas também compartilhar estilos de vida.

Isso porque, liberar os viajantes de ter que lidar com o excesso de bagagem lhes dá muito mais tempo e energia para experimentar outras atividades que os atraíram para a viagem.

Fontes: Locarry via IT Media e SoraNews24

Share via