Tanabata Matsuri: Conheça o significado deste festival e onde celebrá-lo (no Japão e no Brasil)

O Japão possui inúmeros festivais durante o verão. Um dos mais apreciados pelos japoneses – e também pelos nipo-brasileiros – é o Tanabata Matsuri (七夕祭り), também chamado de Festival das Estrelas.

Tanabata Matsuri é um festival japonês alegre e colorido que celebra o encontro romântico entre a princesa Orihime e o criador de gado Hikoboshi que atravessam a Via Láctea uma vez por ano para se reencontrarem. A data deste festival varia entre as regiões do Japão. Ele geralmente ocorre entre 7 de julho e 7 de agosto de cada ano.

Conheça um pouco mais sobre a história do Tanabata Matsuri, como ele é celebrado e alguns locais onde o Festival é realizado.

Lenda do Tanabata

Tanabata lenda
(Crédito: Divulgação)

A origem do Tanabata Matsuri deriva da festividade chinesa “Qixi Festival” e remonta a uma lenda de mais de 2 mil anos. Segundo essa mitologia, a princesa tecelã Orihime, filha de Tentei (poderoso deus do reino celestial), se apaixonou pelo pastor de gado Hikoboshi (também nomeado Kengyu ). Dedicados ao romance, eles deixaram de lado as tarefas e as obrigações diárias.

Por causa da falta de responsabilidade, o pai de Orihime decidiu separá-los, obrigando-os a morar em lados opostos da Via Láctea (rio Amanogawa). Sentindo a tristeza da filha, ele autorizou o casal a se encontrar uma vez por ano (no sétimo dia do sétimo mês do calendário lunar) com uma condição: eles precisavam atender a todos os pedidos vindos da Terra.

Dessa forma, todo o sétimo dia do sétimo mês, Orihime atravessa a Via Láctea para encontrar o seu amado Hikoboshi. Perto desse dia, realiza-se o Tanabata Matsuri. Acredita-se que, se no dia do reencontro estiver chovendo, Orihime e Hikoboshi não conseguem atravessar a Via Láctea (rio Amanogawa). Logo, o encontro só poderá acontecer no ano seguinte.

Estrelas
(Crédito: Divulgação)

Na mitologia japonesa, o casal é representado pelas estrelas Vega (Princesa Orihime) e Altair (Pastor Kengyu) que de fato localizam-se nos extremos opostos da Via-Láctea e podem ser vistas juntas uma vez no ano.

Tradição do Tanabata Matsuri

Tanabata apresentação
Apresentação no Ichinomiya Tanabata Festival. (Crédito: nagoya01)

A comemoração é feita, geralmente, nas ruas e nas praças. É comum haver barracas de comida, tendas de brincadeiras, apresentações culturais e fogos de artifício. Na noite de Tanabata, é costume os japoneses vestirem seus yukatas.

Tanabata
(Crédito: Kanto Kitsune)

Durante o Festival, existe o costume tradicional de se escrever desejos no tanzaku (tira de papel colorido), que depois são pendurados em ramos de bambu, na esperança de que o desejo se torne realidade. Cada cor do tanzaku tem um significado: amarelo – dinheiro, rosa – amor, vermelho – paixão, azul – proteção e saúde, verde – esperança e branco – paz. No final da festa, os papéis são queimados para que os desejos cheguem ao céu, e assim, Orihime e Kengyu possam receber e realizar os pedidos.

Fukinagashi
Fukinagashi em Tanabata Matsuri de Sendai. (Crédito: Flickr/Yo3up)

Além dos bambus altos com vários tanzaku, decorações usuais ainda incluem o fukinagashi (coloridas flâmulas de papel que simbolizam os fios da tecelagem de Orihime), lanternas de papel e diversos tipos de origami que também são colocados nos bambus ou no próprio fukinagashi. Cada dobradura possui um significado: quimono – melhorar habilidades de costura, bolsa – sorte financeira, rede – fartura na pesca/sorte nos negócios, cesta – organização, tsuru – vida longa, estrelas – que todos os desejos alcancem as estrelas, Orihime e Hikoboshi – que o amor dure eternamente e ponte – simboliza a ponte da Via Láctea.

Leia também:

Tanabata Matsuri no Japão

Sendai
Sendai Tanabata Festival (Crédito: Hope for Japan)

O Tanabata era comemorado, inicialmente, apenas pela classe alta do Japão, durante o Período Heian (794 a 1185). Ele foi se popularizar apenas no Período Edo, após 1603.

Atualmente, o Tanabata é uma das maiores festas populares do Japão. Todos os anos, dezenas de festivais ocorrem em todo o Japão. Entre os maiores e mais famosos estão os de Sendai (agosto) e de Hiratsuka (julho).

Nos tempos modernos, é comum celebrar o Tanabata de acordo com o calendário gregoriano, no dia 7 de julho. Porém, algumas regiões do Japão ainda o celebram de acordo com o antigo calendário lunissolar japonês. Dessa forma, a data cai em algum dia de agosto. Em outras localidades, os cálculos do antigo calendário lunar são simplificados fazendo com que o Tanabata seja comemorado no dia 7 de agosto.

Sendai Tanabata Festival

Sendai Tanabata Festival é realizado em Sendai, na província de Miyagi, região de Tohoku. Lá, a festa é celebrada entre os dias 6 e 8 de agosto, que se aproxima mais à data referente ao calendário lunar (adotado antigamente). Nesse período a cidade fica toda colorida com decorações típicas. O festival é visitado por mais de dois milhões de pessoas a cada ano.

Data: Dias 6 a 8 de agosto de 2017
Horário: 6 e 7 de agosto das 10 às 22 horas / 8 de agosto das 10 às 21 horas
Local: Central Sendai e distritos comerciais vizinhos (O evento Sendai Tanabata Fireworks será realizado em torno de Sendai Nishi Park)
Site: Sendai Tanabata

 Shonan Hiratsuka Tanabata Festival

Shonan Hiratsuka Tanabata Festival é realizado na cidade de Hiratsuka, localizada na província de Kanagawa. No seu 67º ano, o Tanabata de Hiratsuka é o maior da região de Kanto. As festividades coloridas serão centradas em torno da rua comercial no lado norte da estação de Hiratsuka.

Data: Dias 7 a 9 de julho de 2017
Horário: 7 e 8 de julho até às 21 horas / 9 de julho até às 20 horas
Local: Estação de Hiratsuka
Site: tanabata-hiratsuka

Tanabata Matsuri no Brasil

Tanabata Brasil
Festival Tanabata do bairro da Liberdade. (Crédito: caljidiomas)

O Tanabata se espalhou pelo mundo com a imigração japonesa, sendo também comemorado por comunidades nipônicas fora do Japão. No Brasil, o primeiro Tanabata Matsuri foi realizado na cidade de Assaí, no Estado do Paraná, no ano de 1978. No ano seguinte, o evento passou a ser feito anualmente no Bairro da Liberdade, na cidade de São Paulo. Hoje em dia, muitas outras cidades promovem o Festival. Assim como no Japão, os festivais no Brasil também são enfeitados com a decoração típica do Tanabata e oferecem barracas de comida e apresentações culturais.

Veja alguns lugares onde você pode encontrar o Tanabata Matsuri no Brasil:

39º Festival Tanabata do bairro da Liberdade (São Paulo-SP)
Data: Dias 15 e 16 de julho de 2017
Horário: 15 de julho das 10h30 às 19h / 16 de julho das 10h30 às 18h
Local: na praça da Liberdade, bairro da Liberdade, São Paulo. Como chegar: metrô Liberdade (linha Azul).
Entrada: gratuita

23º Festival Tanabata em Ribeirão Preto – São Paulo
Data: Dias 14, 15 e 16  de julho de 2017
Horário: 11h às 21:30
Local: Morro do São Bento – parque Municipal Antônio Palloci
Entrada: gratuita

XIII Festa do Tanabata Matsuri no ABC – São Paulo
Data: Dias 08 e 09 de julho de 2017.
Horário: 8 de julho, das 10h às 20h / 9 de julho, das 10h às 18h
Local: Sociedade Cultural ABC Bunka Kyokai – Bunka Kyokai de Santo André ( Rua Santo André, 661 – Santo André – SP)

22º Festival Tanabata 2017 – Araraquara- São Paulo
Data: Dias 07, 08 e 09 de julho.
Horário: 7 e 8 de julho, a partir das 19h / 9 de julho, das 11h às 17h
Local: Nipo Araraquara (Rua José Barbieri Neto, 434 – Jardim Botânico – Araraquara-SP)
Entrada: 1kg de alimento não perecível

 

Seja no Japão ou no Brasil, junte-se às celebrações e faça um desejo!

Comentários

Share via