fbpx

Fatos fascinantes sobre a língua japonesa

A língua japonesa é conhecida pela sua dificuldade e particularidades, é considerada uma das mais difíceis para aprender. Conheça algumas curiosidades interessantes.

Escrita

Existem três sistemas de escrita, o hiragana, katakana e o kanji. Eles podem ser usados em conjunto e até na mesma sentença. Enquanto o katakana é usado em estrangeirismos, o kanji e o hiragana formam sentenças e frases.

Por anos o japonês foi falado, mas não existia uma forma de escrita. Lá pelo século V, alguns kanjis foram emprestados da língua chinesa para criar a japonesa. Porém, uma língua nada tem a ver com a outra.

Plural

Na língua japonesa não existe o plural ou diferença nas sentenças como acontece com o português. Pode parecer mais fácil, mas não é.

Artigos

Os artigos também foram ignorados, por isso é tão difícil que o japonês aprenda o inglês ou línguas que os utilizem.

Pegadinhas

Algumas palavras podem parecer iguais e a única diferença será a pronúncia. Isso confunde muita gente que deseja aprender japonês.

Por exemplo, hashi pode significar ponte ou o utensílio usado para comer. Para confundir ainda mais, em Kanto a pronúncia é de uma forma, enquanto em Kansai será o contrário.

Aliás, é comum que cada região use seus próprios dialetos e usem diferentes palavras para o mesmo significado. Obrigado é ookini em Kansai e arigato em Kanto.

Kansai vs Kanto: conheça a rivalidade entre as regiões Osaka e Tóquio

Cinco palavras que são completamente diferentes nos variados dialetos regionais do Japão

Que tal aprender japonês pelo Instagram?

Ranking mundial

Apesar do Japão ser o único país a ter o idioma japonês como língua oficial, ele é falado por mais de 125 milhões de pessoas. Isso faz da língua japonesa o nono idioma mais falado no mundo.

Dentro da internet, o idioma fica atrás apenas do inglês, russo e alemão.

Mais rápida do mundo

Além da sonoridade musical característica da língua, é também a mais rápida falada no mundo. Enquanto o inglês possui uma média de 6,19 sílabas por segundo, o japonês pronuncia em torno de 7,84.

Homophones

Estrangeiros que foram ao país e não estão habituados a forma como a sociedade japonesa fala o número de telefone, enfrentará muita dificuldade na hora de anotar e até mesmo dizer o seu.

Diferente dos países ocidentais, a maioria dos japoneses utilizam kanjis e seus respectivos nomes na hora de falar o número de seu telefone.

Então, você ouvirá palavras sem qualquer correlação em vez de números. Porém é possível ainda que haja variações de acordo com as regiões do país.

Gostou do artigo? Inscreva-se em nossa Newsletter.

Comentários

Share via