Kai Ken/Tora Inu: o cachorro tigre mais antigo do Japão

A raça japonesa Kai Ken também é conhecida como Tora Inu, Kai Inu e cachorro tigre, é um dos mais populares do Japão. Saiba mais.

Kai Ken

Kai Ken

Tesouro nacional

O cachorro Kai Ken tem uma pelagem tigrada de porte médio de cores escuras e olhos castanhos. É considerado tesouro nacional, de raça mais pura e mais antiga do Japão.

Por isso, é protegido por lei. É comum de Kai em Yamanashi era usado para caçar veados e javalis.

Kai Ken

Raro

Seu habitat natural eram locais montanhosos (Honshu). Por isso, sobe em árvores, escala muros, nada com facilidade e anda por terrenos difíceis.

É uma raça considerada rara e reconhecida desde 1934. Foi descoberto em 1931 na vila Ashiyasu atual Minami.

O Kai Ken foi levado aos Estados Unidos em 1950 e eles cruzaram com outra raça e geneticamente são diferentes dos japoneses.

Raça mais antiga

Tem porte musculoso e não adoece facilmente. Esse cachorro é descendente de uma raça criada pelo povo Jomon (12.000 BC) e ficou isolada por centenas de anos por viver em áreas montanhosas e de difícil acesso.

PersonalidadeKai Ken

É leal, corajoso, inteligente, ágil, independente, curioso, atleta, alerta e afetuoso. Era usado para caça, mas ao longo do tempo foi se tornando um cachorro de companhia para famílias ou de guarda.

Kai Ken

Apesar de ser afetuoso com famílias, o Kai Ken obedece a apenas uma pessoa. Ao dono que reconhecer, será leal, obediente e será um companheiro para a vida toda.

É uma raça que se dá bem com crianças, especialmente se forem criados juntos desde pequenos. Porém, é preciso fazer um trabalho de socialização e acostumá-lo com os pequenos.

Isso pode ser feito com outros animais também, se houver mais de um cachorro na residência. Apesar disso, por ter instinto caçador, não é recomendado tê-lo perto de gatos ou pequenos animais ( coelhos, hamsters, etc) que não sejam cachorros.

Leia também

Tokyo: uma perspectiva da capital japonesa no final do século XIX e início do século XX 

Wagasa: a elegância e tradição da sombrinha japonesa 

Conheça curiosidades interessantes do Studio Ghibli 

Ótimo para ter de guarda também, pois é territorialista e alerta. Como escala muros com facilidade é um grande escapador. Por isso, se deixá-lo no jardim aconselha-se ter muros com mais de um metro de altura.

É um bom cão para ter em apartamentos, mas por ter porte atlético necessitará de passeios diários.

Compartilhe! Clique aqui e receba nosso conteúdo exclusivo pelo Facebook Messenger.

Comentários

Share via