Ohaguro: Por que as japonesas pintavam os dentes de preto?

Durante milhares de anos, as mulheres japonesas (e também alguns homens) costumavam pintar os seus dentes de preto. À essa prática tradicional, deu-se o nome “ohaguro” (お歯黒).

gueixa ohaguro
(Crédito: Divulgação)

Mas, você sabe por que as pessoas faziam isso? Sabemos que os padrões de beleza se modificam ao longo dos anos e variam em cada país. E, ter os dentes pretos foi sinônimo de luxo e beleza no Japão até o final do século 19. No entanto, as razões vão ainda mais além. Basicamente, os motivos são esses:

• Indicar que uma garota chegou à idade adulta
• Significava uma mulher casada
• Prevenir a cárie dentária
• Simbolizar lealdade
• Para parecer atraente

Confira abaixo um pouco mais sobre esta antiga prática japonesa.

Origem

Não se sabe ao certo quando a prática do ohaguro começou. No entanto, ela tornou-se popular entre os aristocratas japoneses, especialmente os membros femininos, durante o período Heian (794-1185).

O ohaguro complementava a maquiagem branca, que era outro símbolo de beleza da época. Isso porque, ao pintar o rosto de branco, os dentes aparentavam ser mais amarelados do que eram na realidade. Dessa forma, escurecer os dentes era uma maneira de criar uma ilusão, como se alguém estivesse sorrindo amplamente sem mostrar nenhum dente. Além dos aristocratas, os samurais também tingiam os dentes de preto como prova de lealdade aos seus mestres.

Durante o período Muromachi (1336-1573), o ohaguro também foi usado pelas filhas dos comandantes militares para simbolizar a chegada da sua maioridade.

De Utagawa Kunisada, 1820. (Crédito: Wikimedia)

No período Edo (1603-1868), essa prática espalhou-se para outras classes sociais. O ohaguro foi comumente praticado entre as mulheres casadas, mulheres solteiras com mais de 18 anos de idade e gueixas. Assim, os dentes negros passaram a simbolizar a maturidade sexual de uma mulher.

Devido ao processo de modernização do país, durante o período Meiji (1868-1912), o governo do Japão proibiu a prática do ohaguro que, aos poucos, tornou-se obsoleto. Hoje em dia, os únicos lugares onde é possível ver o ohaguro são em algumas peças teatrais japonesas, nos distritos de gueixas, em alguns festivais e em filmes.

gueixa dente preto
(Crédito: Divulgação)

Além do Japão, esse costume também foi observado em outros países como China, Vietnã, Tailândia e em algumas ilhas do Pacífico.

Leia mais:

Preparação da tinta

Para a coloração dos dentes, era usado uma mistura conhecida como kanemizu (かねみず), que consistia na dissolução de limalha de ferro no vinagre. Quando combinada com outros ingredientes, como noz de galha ou pó de chá, a tinta mudava de cor e tornava-se insolúvel em água.

ohaguro
(Crédito: Divulgação)

O cheiro que resultava dessa tinta não era agradável e a cor não se fixava nos dentes de forma permanente, precisando ser reaplicada com frequência. Com o passar do tempo notou-se que os dentes passaram a apresentar menos cáries. Esta camada negra funcionava como uma proteção, evitando que as bactérias se fixassem nos dentes.

Você já conhecia esta antiga tradição japonesa? Já viu alguém com dentes pintados de preto?

Fonte: Japan Info, Ancient Origins, Wikipedia

Comentários

Share via