Rinku Kikuchi ganha destaque no cinema internacional

São poucas atrizes japonesas que ganham papéis de destaque em produções ocidentais e Rinku Kikuchi é um dos poucos exemplos femininos.

Após mais de 50 anos sem uma indicação de atriz japonesa ao Oscar, ela foi nomeada por seu trabalho na produção cinematográfica Babel. Saiba mais sobre Kikuchi.

Rinku Kikuchi

Rinku Kikuchi

Rinku Kikuchi nasceu no dia 6 de janeiro de 1981 em Hadano, Kanagawa com o nome Yuriko Kikuchi. Seu primeiro filme na língua inglesa foi o longa Vigasristas de 2009 com Rachel Weiz e Mark Ruffalo no elenco e arrecadou mais de U$ 5 milhões.

Porém, foi com o filme Babel de 2006 que a atriz ganhou destaque por ter sido indicada ao prêmio de melhor atriz coadjuvante.

Pelo seu papel em Kumiko, a Caçadora de Tesouros de 2014 foi indicada ao prêmio Spirit de melhor atriz em um filme envolvente.

Leia também

Top 10: atrizes e atores japoneses mais famosos de Hollywood

As 10 artistas do Japão mais populares e queridas

Top 10: atores japoneses populares em alta no Japão

Kumiko também ganhou papel de destaque no filme Círculo de Fogo, 2018, dirigido pelo Guilhermo Del Toro e atualmente em exibição pelo Netflix. Ela também fez parte do elenco do filme 47 Ronins com Keanu Reeves e na série Westworld.

No Japão, a atriz trabalhou em poucos doramas antes de fazer seu début em Hollywood. Por isso, Kikuchi não é tão popular no Japão, quanto nos Estados Unidos.

Apesar disso, apareceu no programa talk show Waratte Iitomo!, mas sua participação passou batido, além de ter recebido críticas pela sua falta de desenvoltura.

Muita gente não entende sua falta de popularidade em seu país natal e torce para que essa situação mude.

Não deixe de se inscrever em nossa newsletter ou receber conteúdos pelo messenger.

Comentários

Share via